domingo, 26 de julho de 2015

SELEÇÃO FEMININA DE POLO AQUÁTICO JÁ PENSA NO JOGO DECISIVO FRENTE AO JAPÃO EM KAZAN NA RÚSSIA


Kazan/RUS - Agora é pensar no Japão, o adversário direto na luta por uma vaga na próxima fase do Campeonato Mundial de Kazan, Rússia. Neste domingo (26/07), a Seleção Brasileira feminina de polo aquático estreou com derrota por 2-13 (0:6, 0:3, 1:2 e 1:2) para os Estados Unidos, atuais campeões olímpicos e pan-americanos e favoritos ao título. Os gols brasileiros foram marcados por Amanda Oliveira, no terceiro quarto, e Izabella Chiappini, no período final.  
A boa atuação nos últimos dois quartos será a maior motivação para o confronto contra as japonesas, nesta terça-feira, às 7h30min (de Brasília), com transmissão do SporTV. Depois o Brasil ainda enfrentará a Itália, na quinta-feira, às 3h30min (de Brasília). Nesta primeira rodada, as italianas derrotaram as japonesas por 15 a 3 (5-0,3-1,2-2,5-0). A Seleção Brasileira teve um início complicado neste domingo. As americanas abriram 6 a 0 no primeiro quarto, ampliaram para 9 a 0 no segundo. Mas a partir do terceiro, a seleção equilibrou a partida e criou diversas situações de perigo para o gol adversário e melhorou muito na defesa, provocando a queda de chutes das americanas de 13 pra 6, entre os dois tempos. Foram dois gols a favor e apenas quatro contra.  Cada goleira brasileira atuou metade da partida, com Tess no início e Victória nos quartos finais.
O auxiliar técnico Roberto Chiappini analisou a situação: "O time sentiu a pressão das americanas. E como a arbitragem deixou o jogo pesado, isso favoreceu ao adversário, mais forte fisicamente. Depois, as jogadoras assimilaram a pancada e conseguiram administrar a bola, forçando exclusões e igualando as ações. Esses quartos finais foram os melhores que fizemos contra elas nesta temporada. Eu acredito que isso demonstra o potencial do grupo. E nos dá confiança para a partida contra o Japão."
Para a capitã Marina Zablith,  a equipe precisa esquecer o resultado de estreia e lembrar que ainda tem muito campeonato pela frente. "Entramos um pouco lentas no jogo. E isso é complicado contra as americanas. Mas temos que apagar esses primeiros quartos. O importante foi que melhoramos a defesa e, o principal, não tomamos mais gols de contra-ataque. Isto é fatal no alto nível. Como teremos um dia de descanso, podemos analisar a atuação e nos concentrar no Japão. Mas pensamos também em um jogo equilibrado contra a Itália."
A torcida russa vibrava a cada ataque brasileiro e explodiu com os gols. Marina Zablith disse que foi emocionante, mas nem se compara com o que acontecerá nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro-2016. "Em casa, a torcida será toda nossa. Mas foi legal sentir a energia positiva a cada ataque nosso."
Seleção Brasileira = 1 - Tess Oliveira / 2 - Diana Abla / 3 - Marina Zablith (capitã) / 4 - Mariana Duarte / 5 - Lucianne Barroncas / 6 - Izabella Chiappini (1 gol)  / 7 - Amanda Oliveira (1 gol)  / 8 - Luiza Carvalho  / 9 - Melani Dias / 10 - Viviane Baha / 11 - Lorena Borges / 12 - Gabriela Mantellato / 13 - Victoria Chamorro. Técnico: Pat Oaten. Auxiliares-técnico: Roberto Chiappini e Pablo Cuesta. Chefe de equipe: Paulo Rogério Rocha.
Estados Unidos = 1 - Samantha Hill, / 2 - Madeline Musselmann (1 gol) / 3 - Melissa Seidemann / 4 - Rachel Fattal (2 gols)  / 5 - Alys Williams / 6 - Maggie Steffans (3 gols) / 7 - Courtney Mathewson (1 gol) / 8 - Kiley Neushul (2 gols) / 9 - Ashley Grossman / 10 - Kaleigh Gilchrist (1 gol) / 11 - Makenzie Fischer (2 gols) / 12 - Kami Craig  (1 gol) /- 13 - Ashleigh Johnson. Técnico: Adam Krikovam. Auxiliar: Daniel Klatt
Grupos
Feminino
Grupo A = Canada / Cazaquistão / Nova Zelândia / Espanha
Grupo B = Austrália / África do Sul / Grécia / Holanda
Grupo C = Brasil / Japão / Estados Unidos / Itália
Grupo D = Hungria / Rússia / China / França

Resultados
Dia 26/07
Grupo A: Canadá 15 x 6 Nova Zelândia / Casaquistão 7 x 14 Espanha
Grupo B: Austrália 8 x 7 Grécia / África do Sul 1 x 22 Holanda
Grupo C: Brasil 2 x 13 Estados Unidos / Japão 3 x 15 Itália
Grupo D: Rússia 16 x 5 França / Hungria x China (o resultado desta partida será colocado mais tarde neste espaço)
Os brasileiros participam do 16º Campeonato Mundial FINA de Esportes Aquáticos com recursos dos Correios - Patrocinador Oficial dos Desportos Aquáticos Brasileiros, e ainda do Bradesco/Lei de Incentivo Fiscal, Lei Agnelo/Piva - Governo Federal - Ministério do Esporte, Speedo, Sadia e Universidade Estácio de Sá.

Programação - horal local (hora de Brasília)
Dia 27/07 – Segunda-Feira
10h50 (4h50) – Brasil x China – Masculino
Dia 28/07 – Terça-Feira
13h30 (7h30) – Brasil x Japão – Feminino
Dia 29/07 – Quarta-Feira
21h30 (15h30) – Croácia x Brasil – Masculino
Dia 30/07 – Quinta-feira
9h30 (3h30)– Brasil x Itália – Feminino
Dia 31/07 – Sexta-Feira
20h10 (14h10) -  Brasil X Canadá – Masculino 
colaborou Eduardo Vieira



O QUE ACONTECE DE NOTÍCIA NO MUNDO DOS ESPORTES AQUÁTICOS VOCÊ LÊ PRIMEIRO AQUI - BLOG FRANCISSWIM 320.000 VISUALIZAÇÕES / MÊS NA WEB

http://www.kickante.com.br/campanhas/blog-francisswim-esportes-aquaticos




















Nenhum comentário: