quarta-feira, 5 de agosto de 2015

BRASIL EM TODAS AS SEMIFINAIS DESTA QUARTA NO MUNDIAL DE Kazan


Texto e Foto: CBDA/Divulgação
Kazan/RUS – Etiene, Matheus, Marcelo, Thiago, Henrique e Joanna nadaram bem as eliminatórias da manhã desta quarta-feira, 5/08, e estão nas semifinais a partir das 11h30 pelo horário de Brasília (Ver programação no final do texto). A manhã foi proveitosa para o Brasil na Arena Kazan. Todos os atletas passaram para a fase seguinte nas provas individuais. O revezamento 4x100m medley misto por uma posição ficou fora da final.
O dia começou bem com Etiene Medeiros saindo com o segundo melhor tempo da fase eliminatória nos 50m costas (27s74). Ela ficou atrás apenas da chinesa, Fu Yuanhui (27s66). A brasileira chegou a Kazan com o melhor tempo de inscrição, 27s38, mas logo nos primeiros dias fez questão de dizer que “papel é papel” e que em uma competição forte como um Mundial cada dia era um desafio.
- Essa prova é muito boa e a primeira fase já foi. Agora é concentrar para a tarde, a saída tem que ser um pouco melhor. A semi vai ser bem forte, porque está todo mundo querendo medalha. Tenho que encarar a semifinal como final para conquistar uma vaga. Cinquenta é uma prova de explosão e muito rápida, mas acho que dá pra sair um resultado melhor. – Etiene Medeiros.
Depois de Etiene foi a vez dos velocistas Matheus Santana e Marcelo Chierighini caírem na água para os 100m livre. Matheus classificou-se com o 12º tempo 48s81 e Marcelo, com o 15º, 48s92.
- O importante é não ficar de for – brincou - O italiano (Luca Dotto) ficou. A prova está muito forte e disputada, não dá para bobear. Estou feliz com a minha prova, sinto que nadei bem. Com boa parcial, nadando bem tranquilo, em um ritmo confortável. Qualquer errinho vai ficar de fora. Tenho que acertar tudo para nadar para 48 (segundos) baixo e classificar outra vez. Tem dar o melhor para buscar a vaga – Matheus Santana.
Marcelo também ficou aliviado por ter ultrapassado a eliminatória, mas não gostou dos erros que cometeu.
- Errei muito na saída. Caí com o braço aberto e saí muito atrás de todo mundo. Agora tenho que melhorar pra ‘semi’, e muito. Quando se sai tanto atrás é preciso manter a calma e eu consegui manter a calma e buscar – Marcelo Chierighini.
Joanna Maranhão comemorou a sua segunda semifinal mundial. Depois dos 200m medley, ela agora estará na semi dos 200m borboleta.
- Gostei! Fazer esse tempo de manhã foi bom. Fico feliz quando não erro e hoje fiz minha prova certa. Não gostei das duas últimas viradas, que cheguei muito em cima, mas agora para semifinal vou buscar melhorar. No papel eu estava atrás das 16, mas já ganhei de uma que estava atrás de mim. Estou bem e muito feliz, porque é um campeonato muito forte e eu fiz tudo que poderia fazer de certo. Consegui segurar nos primeiros 50m. Estou me sentindo melhor aqui do que no Pan, mesmo sendo competições completamente diferentes, estou querendo competir. Todas as pequenas posições que ganho me deixam mais perto delas (as melhores do mundo) e isto me dá mais motivação para continuar – Joanna Maranhão.
Nos 200m medley, prova em que Henrique Rodrigues foi ouro e Thiago Pereira prata nos Jogos Pan-Americanos, os dois passaram à semifinal, Henrique com o sexto tempo (1m58s95) e Thiago, com a oitava marca entre os 16 (1m59s18). Os dois conseguiram controlar não apenas a ansiedade, mas também o esforço na primeira caída na água.
- Agora cedo estava conversando. Aqui é nadar grande, forte e sem gastar energia desnecessária. Então foi isso que eu fiz. Na hora que o chinês fez força eu vi e deixei, mas não deixei abrir muito. Nadei grande e controlado pra entrar pra final tranquilo. 1m 58s9 é muito legal pra classificar. Acho quase baixar meio segundo já está dentro da final e amanhã vale tudo. Agora é só continuar firme e forte pra classificar. Pra pegar medalha qualquer 1m56s acho que briga por ela.
Thiago também está confiante para a segunda fase da prova. Estará sem o americano Michael Phelps e o húngaro Laszlo Cseh nas raias ao lado nesta prova. Gandes nomes que o acompanharam em quase todas as grandes competições de sua carreira.
- A primeira caída na água. Estava a semana inteira esperando todo mundo nadar, na expectativa. Acho que a gente tem que focar passo a passo. Agora à tarde vai ser tentar passar e aí sim, com os oito enfileirados a gente tentar buscar mais uma medalha pro Brasil. Essas caídas na água acabam ajudando porque vão te acalmando. Agora o que eu tenho que fazer é descansar. Esse Mundial não está fácil pra ninguém. Grandes nomes não estão na prova aqui, mas tem muita gente boa com chance. Uma coisa que eu prestei atenção é que os que estão em cima não evoluíram tanto, mas quem está embaixo grudou ainda mais em que está em cima, então qualquer erro é fatal – disse.
Na última eliminatória da manhã, o revezamento 4x100m medley misto, Daynara de Paula, Felipe Lima, Daiene Dias e João de Lucca, somaram 3m53s45 e ficaram com a nona posição geral, fora da decisão.
Os atletas brasileiros participam do 16º Campeonato Mundial FINA de Esportes Aquáticos com recursos dos Correios - Patrocinador Oficial dos Desportos Aquáticos Brasileiros, e ainda do Bradesco/Lei de Incentivo Fiscal, Lei Agnelo/Piva - Governo Federal - Ministério do Esporte, Speedo, Sadia e Universidade Estácio de Sá.
Eliminatórias – 4ª Etapa
50m Costas F: 2) Etiene Medeiros – 27s74 – classificada para semifinal
100m Livre M : 12) Matheus Santana – 48s81 / 15) Marcelo Chierighini – 48s92 – ambos classificados para a semifinal
200m Borboleta F: Joanna Maranhão – 2m09s77 – classificada para semifinal
200m Medley M: 6) Henrique Rodrigues – 1m58s95 / 8) Thiago Pereira – 1m59s18 – ambos classificados para a semifinal
Rev. 4x100m Medley Misto – 9) Brasil – 3m53s45
Finais e Semifinais – 5/08 - Hora Local (Hora do Brasil)
17h32 (11h32) - Semifinal – 100m livre M – Matheus Santana e Marcelo Chierighini
17h42 (11h42) - Semifinal – 50m costas F – Etiene Medeiros
17h52 (11h52) – Final – 200m borboleta M – Sem brasileiros
18h01 (12h01)- Final – 200m livre F – Sem brasileiras
18h10 (12h10) Final – 50m peito M – Felipe França Silva
18h18 (12h18) - Premiação – 200m borboleta M
18h25 (12h25) - Semifinal – 200m borboleta F – Joanna Maranhão
18h38 (12h38) – Premiação 200m livre F
18h45 (12h45) – Semifinal – 200m medley M – Henrique Rodrigues e Thiago Pereira
18h58 (12h58) – Final – 800m livre M – Sem brasileiros
19h12 (13h12) – Premiação – 50m peito M
19h19 (13h19) – Final – 4x100m medley Misto – Sem brasileiros
19h30 (13h30) – Premiação – 800m livre M
19h37 (13h37) – Premiação – 4x100m medley Misto
Eliana Alves / Mariana de Sá














COMPARTILHE ESTE POST E CONCORRA A UM KIT NATAÇÃO (TOUCA- SUNGA OU MAIO - ÓCULOS - TOALHA DE BANHO)

Nenhum comentário: