domingo, 16 de agosto de 2015

Com gritos de tricampeão Brasil se despede dos Jogos Parapan-Americanos de Toronto


Após liderar pela terceira vez consecutiva o quadro de medalhas de uma edição de Jogos Parapan-Americanos, a delegação brasileira despediu-se de Toronto na Cerimônia de Encerramento dos Jogos.
A festa foi realizada na Praça Nathan Philips, em frente à sede da Prefeitura local. Os gritos de “tricampeão” da delegação nacional puderam ser ouvidos desde a concentração dos atletas.
O Brasil encerrou esta edição do Parapan com um recorde de 257 medalhas: 109 de ouro, 74 de prata e 74 de bronze. Desempenho que satisfez atletas e comissão técnica do país.
“O Parapan foi aberto com chave de ouro e também foi fechado com esta cerimônia de ouro. Linda festa e sou muito agradecida pelos dias que passei aqui”, disse Terezinha Guilhermina, que venceu três medalhas de ouro na competição.
Jose Luis Campo, presidente do Comitê Paralímpico das Américas, celebrou o sucesso dos Jogos. “Gostaria de agradecer aos 28 países que competiram, assim como confederações internacionais, por estarem desenvolvendo estes atletas superhumanos. Eles nos inspiraram e nos animaram. Estou certo de que os atletas de nosso continente ganharão muitas medalhas no Rio 2016″, disse.
Em seguida, ele fez uma citação a Jefinho, brasileiro e um dos melhores jogadores do mundo de futebol de 5. “Quando você vê o esporte paralímpico, você não vê a deficiência. Você vê talento puro”, citou Campo, em referência a uma frase dita pelo jogador em entrevista coletiva.
Por fim, houve a execução do hino nacional peruano. A capital do país, Lima, será sede dos Jogos Parapan-Americanos de 2019.
MEDALHAS DA NATAÇÃO
Ouro
Talisson Glock – 100m costas S6 – 1min14s76
Joana Neves – 200m livre S5 – 3min13s15
Vanilton Nascimento – 100m livre S9 – 57s85
Camille Rodrigues – 100m livre S9 – 1min06s04
Ítalo Gomes – 100m costas S7 – 1min13s97
Andre Brasil – 100m livre S10 – 51s28
Daniel Dias – 200m livre S5 – 2min37s07
Revezamento 4x100m medley masculino 34 pontos (Daniel Dias, Matheus da Silva, Andre Brasil e Phelipe Rodrigues) – 4min21s61 (AR)
Prata
Esthefany Rodrigues – 200m livre S5 – 3min39s11
Ruiter Silva – 100m livre S9 – 58s71
Phelipe Rodrigues – 100m livre S10 – 52s08
Clodoaldo Silva – 200m livre S5 – 2min56s87
Carlos Farrenberg – 100m borboleta S11-13 – 1min03s78
Bronze
Matheus da Silva – 100m livre S9 – 1min00s63
Mariana Gesteira – 100m livre S10 – 1min04s71
Claudia Celina – 200m livre S4 – 4min43s01
Ouro
Camille Rodrigues – 100 costas S9 – 1min16s15
Andre Brasil – 100m costas S10 – 1min00s56 (recorde Parapan-americano)
Daniel Dias – 50m costas S5 – 35s97
Carlos Farrenberg – 100m livre S13 – 55s00
Matheus Rheine – 100m livre S11 – 59s85 (recorde Parapan-americano)
Andre Brasil, Daniel Dias, Phelipe Andrews e Ruiter Silva – Revezamento 4x100m livre masculinho 34 pontos – 3min58s53
Prata
Mariana Gesteira – 100m costas S10 – 1min14s24
Talisson Glock – 50m borboleta S6 – 33s10
Esthefany Rodrigues – 50m costas S5 – 1min00s58
Filipe de Abreu – 100m livre S12 – 59s91
Bronze
Rildene Firmino – 150m medley – 3min44s71
Caio Amorim – 100m livre S8 – 1min02s32
Cecília Araújo – 100m livre S8 – 1min11s80
Verônica Almeida – 50m borboleta S7 – 38s74
Letícia Ferreira – 50m costas S5 – 1min01s03
Ronystony Cordeiro – 150m medley SM4 – 3min03s63
Guilherme Batista – 100m livre S13 – 58s26
Alex Viana – 100m livre S11 -
Renato Nunes – 100m livre S12 – 1min03s13
Raquel Viel – 100m livre S12 – 1min09s28
Ouro
Edênia Garcia – 50m costas S4 – 53s73
Daniel Dias – 50m livre S5 – 32s41 (PR)
Joana Neves – 50m livre S5 – 38s90 (PR)
Ruiter Silva – 200m medley SM9 – 2min26s42
Andre Brasil – 200m medley SM10 – 2min12s22
Prata
Raquel Viel – 400m livre S11-13 – 5min16s25
Clodoaldo Silva – 50m livre S5 – 34s94
Esthefany Rodrigues – 50m livre S5 – 45s72
Verônica Almeida – 100m peito SB7 – 1min40s79
Lucas Mozela – 200m medley SM9 – 2min29s18
Felipe Caltran – 100m peito SB14 – 1min14s33
Bronze
Ítalo Gomes – 100m livre S7 – 1min10s33
Talisson Glock – 100m livre S6 – 1min10s84
Ronystony Cordeiro – 50m costas S1-4 – 47s85


Assessoria de Imprensa do Comitê Paralímpico Brasileiro em Toronto




COMO CONTRIBUIR PARA O BLOG FRANCISSWIM. LEIA MAIS AQUI

Nenhum comentário: