quinta-feira, 29 de junho de 2017

FINA ASSEGURA À CBDA QUE ATLETAS COMPETIRÃO PELA BANDEIRA BRASILEIRA NO MUNDIAL DE BUDAPESTE


A Federação Internacional de Natação - FINA - em resposta à CBDA garantiu que irá reconhecer a nova administração da entidade brasileira após o cumprimento de algumas questões; e assegurou também o direito de todos os atletas da delegação brasileira de representar o país no Mundial de Budapeste. 
O presidente da Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos encontrou-se esta semana com o presidente da FINA, Julio Maglione, em Trinidad & Tobago, durante evento da UANA (União Americana de Nataçao). Hoje, o Diretor-Executivo da Federação Internacional, Cornel Marculescu, endereçou a seguinte mensagem à Confederação Brasileira.
"Caros Senhores,
A FINA reconhece as explicações expostas na sua correspondência datada em 23 de junho de 2017 (recebido por email em 27 de junho de 2017). No entanto, como afirmado em nossas correspondências anteriores, a federação brasileira deve observar a regra C 7.4 da FINA e deveria ter alterado o estatuto antes das eleições em conformidade com as regras da FINA.
Regra: C 7.4 Os membros devem solicitar a aprovação do Bureau da FINA para qualquer alteração de Nome e / ou constituição antes que tais alterações sejam válidas.
A FINA, como órgão governamental mundial para o esporte aquático, deve garantir que seus próprios membros cumpram as Regras, regulamentos, diretrizes e decisões da FINA. Isso é obrigatório para todos os membros da FINA. 
Portanto, a Federação Internacional exige que a Federação Brasileira de Natação (i) convoque uma Assembleia Geral; (ii) altere sua Constituição (Estatuto); e (iii) envie as alterações à aprovação formal da FINA. Uma vez que isso seja feito,  a FINA reconhecerá a nova administração eleita.
Observamos que os atletas não serão afetados por nenhuma decisão da FINA e terão o direito de participar do Campeonato Mundial da FINA, representando o Brasil."
Com os melhores cumprimentos",
Cornel Marculescu
Diretor Executivo da FINA







Nenhum comentário: