terça-feira, 16 de maio de 2017

ANA MARCELA CUNHA DA UNISANTA GANHA NOS 10K E 5K EM FOZ DO IGUAÇU


Com a vaga para o Mundial da Hungria garantida após vencer nos 10km e agora com o resultado deste sábado, a atleta da Unisanta vai disputar todas as provas em Budapeste, os 5km, os 10km, os 25km e, possivelmente, o revezamento.
A atleta da Universidade Santa Cecília (Unisanta), Ana Marcela Cunha, está com todo o gás e subiu novamente ao andar mais alto do pódio em menos de dois dias. A nadadora finalizou a sua participação na segunda etapa do Campeonato Brasileiro com mais uma vitória, desta vez nos 5km.
Ana mais uma vez liderou a prova, assim como fez na última quinta-feira (11), quando venceu a prova de 10km e garantiu a sua vaga Campeonato Mundial de Esportes Aquáticos, que será disputado em julho, em Budapeste, na Hungria. Na prova deste sábado (13), as atletas do Grêmio Náutico União, Betina Lorscheitter e Viviane Jungblut, chegaram em seguida de Ana, ficando na segunda e terceira posição, respectivamente.
A também atleta da Unisanta, Carol Bilich, chegou na quarta colocação. Joanna Maranhão, que também representa a Unisanta e é o maior nome feminino na natação brasileira em piscinas da atualidade, está se aventurando também em maratonas. Nesta prova, Joanna saiu na primeira volta, após ser atingida no meio de um dos pelotões, mas está bem.
Na prova masculina, o nadador da Unisanta, Victor Colonese, ficou com a medalha de bronze. Allan do Carmo, do Aceb / BA e Fernando Ponte, do Grêmio Náutico União, ficaram com a primeiras colocações.
Mundial da Hungria – Em Maratona Aquática, Ana Marcela Cunha participará do seu 9º mundial, sendo oito consecutivos. A atleta da Unisanta tem um currículo brilhante em mundiais e já conquistou duas medalhas de ouro nos 25 Km; prata nos 10 Km e no revezamento de 5 Km e três medalhas de bronze, duas nos 5 Km e uma nos 10 Km.
Além de Ana a Unisanta classificou mais cinco atletas para 17º Mundial de Desportos Aquáticos da FINA e já é a equipe que enviará o maior número de nadadores para a competição, ao lado do Pinheiros. Os classificados são: Thiago Simon, nos 200m peito; Leonardo de Deus, nos 200m borboleta; Joanna Maranhão, nos 400m medley; Guilherme Costa, nos 1500m livre; e Nicholas Santos, nos 50m borboleta.
Os técnicos da Unisanta, Márcio Latuf (maratona aquática) e Felipe Domingues (natação), também estarão no Mundial de Budapeste.
Critério – Foram convocados os oito melhores índices técnicos em provas Olímpicas, somados o Torneio Open 2016 e Troféu Maria Lenk 2017, com o acréscimo de mais sete atletas por índices técnicos em provas Olímpicas.
Além destes nadadores, após avaliação técnica decidiu-se convocar o atleta Nicholas Santos, pela prova dos 50m borboleta (não olímpica), por ter obtido a melhor marca mundial em 2017 (22s61), de acordo com o ranking da Federação Internacional de Natação – FINA.
por Cláudia Busto



Nenhum comentário: