domingo, 17 de abril de 2016

ESTREIA COM SETE NADADORES PARA OLIMPÍADA RIO 2016



A primeira etapa da última seletiva da natação para os Jogos Olímpicos Rio 2016, o Troféu Maria Lenk terminou nesta sexta-feira, 15/04, com sete atletas definidos para voltar em agosto na mesma piscina em que está acontecendo a seletiva, que também é o Campeonato Brasileiro Absoluto e evento teste para a modalidade. Joanna Maranhão, Daiene Dias, Daynara de Paula, Brandon Almeida, Luiz Altamir, João Gomes Júnior e Felipe França agora estão 100 por cento confirmados.
A estreia da competição deu a João Gomes Junior, do Esporte Clube Pinheiros, o segundo melhor tempo do mundo este ano nos 100m peito e a primeira das duas vagas da prova. Nas eliminatórias ele marcou 59s06 e nas finais, 59s10. O tempo só perde em 2016 para o do britânico Adam Peaty, 21 anos, que fez 58s41. Felipe França, do Corinthians, que chegou á seletiva com a melhor marca após a primeira seletiva, em dezembro de 2015, finalizou em segundo (59s36).
— Eu atingi meus objetivos. Fiz minha meta de treino, minha meta de peso... Fazer 59s36, do jeito que eu nadei, com essa pressão, me faz pensar que na Olimpíada vai ser algo surpreendente. Acho que agora as coisas serão menos pesadas. Eu venho há três anos como o ponta de lança dos 100m peito no Brasil e agora o João emparelhou. Isso é preciso também, é bom pro Brasil ter competição — disse Felipe.
Brandon Almeida assinou sua entrada na Vila Olímpica com os 4m14s63 da final dos 400m medley. Nas eliminatórias pela manhã, ele já possuía índice olímpico (4m14s07, conquistado no Torneio Open 2015) não forçou e ficou apenas com a terceira melhor marca das eliminatórias, 4m24s97, atrás do japonês Kakeru Murata, 4m23s83, e de Leonardo Santos, do Pinheiros, 4m23s87, todos longe do índice olímpico exigido, 4m16s71.
Os 100m borboleta começaram pela manhã com Etiene Medeiros (58s49) e Daiene Dias (58s04) com índices para a prova. Na final as vagas se definiram com Daiene Dias (58s07), do Minas Tênis, e Daynara de Paula (58s38), do Sesi/SP.
— Eu não estou acreditando ainda. É meu sonho, claro. É o de todo atleta. Eu já participei de todas as competições, mas a Olimpíada mesmo é a primeira vez. Já quase parei, já mudei de esporte... Graças a Deus essa oportunidade de nadar a Olimpíada e em casa vai ser maravilhoso — disse Daiene, que já teve um gostinho semelhante quando foi medalhista no Pan Rio 2007
Daynara, que nas eliminatórias tinha ficado na casa dos 49 segundos, afirmou que se preocupou com o tempo, mas que o objetivo era estar entre os dois melhores tempos para os Jogos.
— Eu estou muito contente! Quando fiz 49s fiquei um pouco preocupada. Não foi o meu melhor tempo, mas já tenho minha vaga pra dar o melhor nas Olimpíadas. E agora o que importa é representar muito bem o meu país no dia seis de agosto — disse Daynara.
Joanna Maranhão começou muito bem o Troféu Maria Lenk com 4m38s66 nos 400m medley e confirmando participação em sua quarta Olimpíada. Nas eliminatórias Joanna já havia feito o melhor tempo, 4m46s54. A nadadora do Pinheiros já tinha índice conquistado em dezembro passado, 4m40s78. O índice é de 4m43s46. 
— Na hora que eu botei o pé aqui eu comecei a curtir tudo, no clima de querer ser feliz. Estou curtindo muito este último ano de carreira e fazer 4m38s é excelente. Já achei o máximo quando entrei e vai ser o máximo ver esse caldeirão fervendo. A gente sabe o quanto foi difícil bater esse 4s40. Eu tinha feito uma única vez no Pan e fazer outra vez agora é muito bom e agora vou atrás daquele 4m37s05 que é o recorde sul-americano. Sou o 15º tempo do mundo. No final do ano eu era o 17º , então já são duas posições que eu ganho.
Pinheiros lidera o Maria Lenk - O Pinheiros saiu na frente na pontuação de clubes após a primeira etapa do Maria Lenk 2016. O clube paulista totalizou 288 pontos, seguido por Corinthians, 187; Minas Tênis, 124; Sesi, 122; e Unisanta, 89; e Flamengo, 69 pontos.
Resultados (15/04/2016)
400m medley M = 1 – Brandonn Almeida – Corinthians – 4m14s63 (índice olímpico) / 2 – Kakeru Murata – Japão – 4m20s55 / 3 – Yizhe Wang – China – 4m20s86
100m borboleta F = 1 – Daiene Dias – Minas Tênis – 58s07 (índice olímpico) / 2 – Daynara de Paula – Sesi – 58s38 (índice olímpico) / 3 – Katarina Listopadova – Eslováquia – 58s71
400m livre M = 1 – Miguel Valente – Minas Tênis – 3m51s62 / 2 – Giovanny Lima – Sesi - 3m54s61 / 3 – Luiz Altamir – Flamengo – 3m55s00
400m medley F = 1 – Joanna Maranhão – Pinheiros = 4m38s66 (índice olímpico) / 2 – Barbora Zavadová – Eslováquia – 4m42s17 / 3 – Virgínia Bardach – Argentina - 4m43s17
100m peito M = 1 – João Gomes Junior – Pinheiros – 59s10 (índice olímpico) / 2 – Felipe França – Corinthians – 59s36 (índice olímpico) / 3 – Pedro Cardona – Pinheiros - 1m00s11 (índice olímpico)
A Natação Brasileira conta com recursos dos Correios - Patrocinador Oficial dos Desportos Aquáticos Brasileiros -, e ainda do Bradesco/Lei de Incentivo Fiscal, Lei Agnelo/Piva - Governo Federal - Ministério do Esporte, COB, Speedo e Estácio.
PROGRAMA DE PROVAS - MARIA LENK 2016
(Eliminatórias a partir das 9h30 e Finais às 17h30, com exceção do dia 20/4, que será às 17h)
2ª etapa - sábado, 16/4 - 100m costas F / 200m livre M / 100m peito F / 100m costas M / 400m livre F
3ª etapa - domingo, 17/4 - 200m livre F / 200m borboleta M / 200m medley F
4ª etapa - 2ª feira, 18/4 - 100m livre M / 200m borboleta F / 200m peito M
5ª etapa - 3ª feira, 19/4 - 100m livre F / 200m costas M / 200m peito F / 200m medley M
6ª etapa - 4ª feira, 20/4 - 50m livre M / 50m livre F / 100m borboleta M / 200m costas F / 1500m livre M / 800m livre F
ATLETAS COM ÍNDICE PARA RIO 2016 até o 1º dia do Maria Lenk 2016 (índices entre parênteses)
Obs: Somente dois atletas por país poderão competir em cada prova individual
50m livre M (22s27) = Bruno Fratus - 21s50 (Open) / Ítalo Duarte - 22s08 (Open) / Marcelo Chierighini - 22s17 (Daltely) / Matheus Santana - 22s17 (Open) / Henrique Martins - 22s25 (Open)
50m livre F (25s28) = Etiene Medeiros - 24s71 (Open)  / Graciele Herrmann - 24s92 (Open)

100m livre M (48s99) = Nicolas Nilo Oliveira - 48s41 (Daltely) / Matheus Santana - 48s71 (Daltely) / Marcelo Chierighini - 48s72 (Open) / Alan Vitória - 48s96 (Daltely)
100m livre F (54s43) = Etiene Medeiros - 54s26 (Daltely)
200m livre M (1m47s97) = Nicolas Nilo Oliveira - 1m47s09 (Daltely) / João de Lucca - 1m47s81 (Daltely)
200m livre F (1m58s96) = Manuella Lyrio - 1m58s43 (Open)
400m livre M (3m50s44) = Luiz Altamir Melo - 3m50s32 (Open)
100m borboleta F (58s74) = Daiene Dias – 58s04 (Maria Lenk) / Daynara de Paula – 58s38 (Maria Lenk) / Etiene Medeiros – 58s49 (Maria Lenk)
100m borboleta M (52s36) = Henrique Martins - 52s14 (Open) / Marcos Macedo - 52s17 (Daltely) / Nicholas Santos - 52s31 (Daltely)
200m borboleta M (1m56s97) - Leonardo de Deus - 1m56s14 (Open)
100m costas M (54s36) = Guilherme Guido - 53s09 (Open)
200m costas M (1m58s22) = Leonardo de Deus - 1m57s43 (Daltely)
100m peito M (1m00s57) = João Gomes Junior – 59s06 (Maria Lenk) / Felipe França – 59s36 (Maria Lenk) / Pedro Cardona – 59s77 (Maria Lenk) / Felipe Lima – 1m00s06 (Maria Lenk) / Raphael Rodrigues - 1m00s48
200m peito M (2m11s66) = Thiago Simon - 2m11s29 (Open)

200m medley M (2m00s28) = Henrique Rodrigues - 1m58s26 (Daltely) / Thiago Pereira - 1m58s32 (Daltely)

200m medley F (2m14s26) = Joanna Maranhão - 2m14s04 (Open)

400m medley F (4m43s46) = Joanna Maranhão - 4m38s66 (Maria Lenk)
400m medley M (4m16s71) = Brandonn Almeida - 4m14s07 (Open) 
Eliana Alves / Souza Santos / Mariana de Sá
Fotos Satiro Sodré



O QUE ACONTECE DE NOTÍCIA NO MUNDO DOS ESPORTES AQUÁTICOS VOCÊ LÊ PRIMEIRO AQUI - BLOG FRANCISSWIM Foram mais de 5.000.000 de VISUALIZAÇÕES no último ano


Francisswim Esportes Aquáticos é uma ferramenta única,   abrangente, multi-linguas, uma referência on-line para a comunidade aquática. Informação vistas nos últimos 12 meses no facebook (1.200.000), Google+ (3.700.000), blog (350.000). Clique no link e visite 



http://www.kickante.com.br/campanhas/blog-francisswim-esportes-aquaticos





































Nenhum comentário: