sexta-feira, 5 de dezembro de 2014

Cesar Cielo leva o bronze nos 50 m livre do Mundial de Doha


O velocista, no topo das provas rápidas há 10 anos, ganhou a 13ª medalha em Mundiais, a 7ª em piscina curta, mas não da cor que queria: “Estou pronto para um tempo melhor”
São Paulo – Cesar Cielo ficou com a medalha de bronze nos 50 m livre, em 20s88, no 12º Mundial em Piscina Curta de Doha (CAT), nesta sexta-feira (5//12), no Hamad Aquatic Center. O título na distância foi ganho pelo francês Florent Manadou, com recorde mundial (20s26), e a medalha de prata pelo italiano Marco Orsi (20s69). O melhor tempo de Cesar Cielo nos 50 m livre é do Mundial de Dubai, em 2010, quando levou o ouro com 20s51 (recorde sul-americano) – na própria semifinal, em Doha, foi mais rápido, com 20s80. Esta é a 13ª medalha conquistada por Cesar Cielo em Mundiais desde 2004 – o velocista mantém-se no pódio da prova mais rápida do mundo por dez anos seguidos.
“Eu não fiz uma boa prova. Acho que estou pronto para um tempo melhor do que esse que saiu. Mas isso é Mundial, final, vamos partir para a próxima prova”, disse Cielo. Buscando uma resposta para dar ao SporTV, logo após a competição, sobre o que poderia ter falhado, disse que não fez uma boa largada. “Acho que foi a saída, não foi uma boa saída, não. A velocidade da saída não está muito boa, mas o cara nadou muito, não tem o que fazer, uma prova com recorde mundial, Então, agora, é focar nas próximas provas. Veio mais uma medalha, mas não da cor que eu queria.”
Disse que em toda a final ‘bate nervosismo': “Opa, a gente fica super nervoso”. Mas não culpou a tensão pelo resultado. “Não saiu do jeito que eu queria, mas já foi. Agora é pensar na próxima, que pode ser melhor do que eu nadei hoje.” Cielo disse que ainda vai ter de analisar com calma a prova. “É dar uma relaxada agora que a prova passou e tentar ficar positivo, não deixar que isso atrapalhe as outras provas, não. Vamos ver o que vai sair nos 100 metros e também tem o 4×100 m medley. Vamos ver se eu consigo tirar umas provas melhores.”
No Mundial, Cielo ainda disputará as eliminatórias e semifinais dos 100 m livre (no sábado, 6/12). Se passar para a final, nada pelo pódio no domingo (7/12), dia também do revezamento 4×100 m medley.
Agora, tem 13 medalhas conquistadas em Mundiais, sete delas em piscina curta (25 metros). Tem dois ouros ganhos em Dubai/2010, nos 50 m livre (20s51) e nos 100 m livre (45s74), ambas com recordes sul-americanos que perduram ainda hoje, e o bronze nos 50 m livre desse Mundial de Doha (20s88).
A primeira medalha de Cielo em um Mundial vem da piscina curta – de prata, em Indianápolis/2004, com o revezamento 4×100 m livre. Agora tem o ouro, do revezamento 4×50 m medley ganho em Doha, com recorde mundial (com Guilherme Guido, Felipe França e Nicholas Santos), em 1min30s51. Tem mais dois bronzes com os revezamentos do Brasil, conquistados em 2010 (4×100 m livre e 4×100 m medley). As outras seis medalhas foram ganhas em Mundiais de piscina de 50 m (Roma/2009, Xangai/2011 e Barcelona/2013).
FOTO SATIRO SODRÉ




PARA CURTIR CLICAR NO LINK 



E-MAIL: francisswim@gmail.com
FONE 555191415266
BLOG FRANCISSWIM  http://francisswim.blogspot.com.br/
WhatsApp 5197226748

Já conhece o comparador de preços feito especialmente para você, amante do esporte? Encontre tudo o que procura no http://finalshopping.com.br

Nenhum comentário: